Disjuntores: Como funcionam e para que servem

Os disjuntores são dispositivos de proteção, que, quando ocorre um curto-circuito ou uma sobre corrente eles tem a função de cortar a passagem da corrente elétrica.

Disjuntores elétricos. Como funcionam e para que servem

O disjuntor, além de ser um dispositivo de proteção, pode ser usado para ligar e desligar circuitos, funcionando também como um dispositivo de manobra.

Eles são conhecidos pelos leigos como as “chaves” dos painéis elétricos que encontramos em residenciais.

Diferente dos fusíveis, que queimam e devem ser trocados quando ultrapassamos a corrente limite deles, os disjuntores quando a corrente passa do limite estipulado eles somente desarmam, podendo ser armado de novo manualmente.

Todo disjuntor possui uma corrente máxima suportada, e passando dessa corrente eles interrompem a passagem de corrente no circuito. Vamos ver a seguir alguns tipos de disjuntores.

Disjuntores Térmicos

O disjuntor térmico funciona a partir de uma lâmina, que possui um determinado coeficiente de dilatação. Quando temos uma sobre corrente, a lâmina aquece e começa a se deformar, fazendo abrir o contato e interromper a corrente do circuito.

O problema desse tipo de disjuntor, é que ele protege somente contra sobre carga, não sendo possível usar ele para proteção contra curto circuito. Isso por que, essa deformação da lâmina não é instantânea, e para termos uma boa proteção contra curto circuito ela deve ser instantânea.

Disjuntores Magnéticos

Agora sim temos um mecanismo que protege contra curto circuitos.

A corrente nesse disjuntor, passa por uma bobina, ou seja, ela cria um campo magnético. Esse campo magnético, quando atinge uma determinada força, atrai magneticamente um contato que interrompe o circuito. Assim, quando a corrente passa do máximo do disjuntor, a bobina cria um campo magnético que desarma o disjuntor.

A grande vantagem é a velocidade de interrupção instantânea, que permite esse disjuntor proteger tanto de curto circuitos, quanto de sobre corrente.

Disjuntores Termomagnéticos

Aqui temos a mistura dos dois tipos de disjuntores vistos anteriormente, os térmicos e os magnéticos. Esse é o dispositivo mais seguro e mais usado hoje em dia, sendo o melhor e o mais indicado entre os três.

Disjuntor DR

Serve para desarmar a o circuito caso detecte uma fuga de corrente. Pode proteger inclusive contra choques elétricos, mas também detecta falhas na instalação.

Os disjuntores, no geral, possuem diversas faixas de corrente em que atuam. Devem ser dimensionados de acordo com a instalação elétrica,  sendo que cada instalação possui uma carga diferente.

Tais dispositivos de segurança são obrigatórios, e não devem em hipótese alguma ser alterados ou removidos de uma instalação.

Como funcionam os disjuntores – Energibell Engenharia Elétrica

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s